Juros-no-crédito-à-habitação-com-recuo-ténue-em-abril-para-1442-INE

Eis uma boa noticia para quem contraiu créditos habitação, a taxa de juro implícita no conjunto de crédito habitação baixou 0,032% relativamente ao mês anterior (Setembro). No mês de Outubro esta taxa reduziu para 1,439%, sendo que em Setembro marcou os 1,471%), assim sendo baixou o que corresponde a 105 euros a menos. É de salientar que para os contratos celebrados nos últimos três meses, a taxa de juro implícita baixou dos 3,131% para os 3,071%.

Com a descida da taxa de juro, o valor médio da prestação vencida acabou também por baixar, em alguns casos um euro mas em outros chegou quase aos dez euros de diferença entre o mês de Setembro e o mês de Outubro. Apesar de parecer uma pequena descida é um grande passo, uma vez que durante muito tempo as taxas de juro aumentavam e não desciam.